Lindelöf: «O que estava a fazer no festejo? Não tenho ideia...»

Central comenta a forma como celebrou empate no Dragão

• Foto: Manuel Azevedo

O Benfica arrancou um empate em pleno Estádio do Dragão já em período de descontos e aquele minuto 90’+2, a trazer à memória o famoso festejo de Kelvin em 2013, fez explodir de emoção os encarnados. Titular ao lado de Luisão, Lindelöf teve depois a companhia de Lisandro López, precisamente o autor do golo que garantiu um ponto aos tricampeões nacionais. A felicidade, sublinha o internacional sueco, deveu-se à desinspiração do emblema da Luz. "Foi um jogo duro fora de casa. Não fizemos a nossa melhor exibição no campeonato, por isso foi bom conseguir um ponto mesmo assim. Podíamos ter feito muito melhor, mas não era o nosso dia", dispara.

Em curta entrevista ao canal televisivo sueco Fotbollskanalen, o camisola 14 das águias insistiu que o momento é agora de "pura alegria": "É um grande rival nosso e conseguir o empate aos 90’+2 foi uma enorme alegria."

Lindelöf partilhou, no Instagram, a imagem do festejo, a qual se tornou num sucesso: quase 15 mil seguidores gostaram da foto

Festejo? Aconteceu...

O jogador, de 22 anos, foi um dos mais efusivos nas celebrações e seguiu pouco atrás de Lisandro López com os braços no ar, abanando-os sem grande regra. Confrontado com o gesto, Lindelöf diz ter sido pura obra do acaso. A fotografia, que partilhou nas redes sociais, pode até nem ser uma obra de arte, mas para o central anda lá perto. "O que estava a fazer no festejo? Não tenho ideia, não sei o que aconteceu! Corri e... apenas aconteceu. Não é a melhor foto, mas acho que é maravilhosa. Às vezes, acontece", insiste.

E foi em pleno clima de festa pelo empate que permite às águias seguir na liderança isolada do campeonato que Lindelöf pernoitou no Porto. O defesa seguiu ontem diretamente do Norte para o estágio da sua seleção, que agora tem mais uma jornada de apuramento para o Mundial’2018. O jovem lutará por um lugar no onze no embate com a França, agendado para sexta-feira, precisamente no mesmo Stade de France onde Portugal se sagrou recentemente campeão da Europa. Ao jogo a ‘doer’ segue-se ainda um particular com a Hungria, a disputar no dia 15, em Budapeste.

Por Filipe Pedras e Pedro Ponte
7
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Benfica

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.