Parecido com a estreia de JJ

Comparação fatal

• Foto: Pedro Ferreira

Quis o destino que se mantivessem unidos até ao final da presente temporada: desde que Rui Vitória rendeu Jorge Jesus no comando técnico encarnado, que os dois treinadores estiveram no centro do dia-a-dia futebolístico nacional, envoltos em polémicas para as quais, valha a verdade, JJ contribuiu com mais veemência.

Feitas as contas finais da temporada 2015/16, não deixa de ser interessante verificar que a época de estreia de Rui Vitória na Luz tem quase tudo em comum com a do seu antecessor: ambos foram campeões nacionais e venceram a Taça da Liga; ambos atingiram os quartos-de-final da competição europeia (com a diferença de um ter chegado longe na Liga dos Campeões e do outro o ter feito na Liga Europa), e ambos tiveram aproveitamento quase igual na percentagem relativa à conquista dos pontos – Rui Vitória com média 2,36, Jorge Jesus com 2,37.

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Benfica

Bruno Lage é para blindar

Principal objetivo das águias é passar a cláusula de rescisão do técnico dos 10 milhões de euros para os 20 milhões

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.