Presidente da CBF terá sido aconselhado a despedir Tite e apostar em Jorge Jesus

Nome do técnico do Benfica terá sido proposto por Ricardo Teixeira a Rogério Caboclo

• Foto: EPA

Segundo adianta o jornal 'Folha de São Paulo', o nome de Jorge Jesus terá sido falado numa reunião mantida na semana passada entre Rogério Caboclo e Ricardo Teixeira, atual e antigo presidentes da Confederação Portuguesa de Futebol (CBF). De acordo com o relato do jornal paulista, Caboclo socorreu-se dos conselhos do antigo 'chefão' da CBF para tentar salvar-se de um período conturbado e terá sido aí que surgiu a ideia de uma 'solução Jorge Jesus'.

E o conselho de Teixeira foi claro: demitir os funcionários da CBF, alguns diretores e ainda vicepresidentes, passando depois pelo despedimento de Tite e o coordenador de seleções Juninho Paulista e apostar na dupla Jorge Jesus e Marcos Braz, que tanto sucesso fez no Flamengo. A ideia era contra-atacar perante o ambiente negativo que se vivia em seu torno, mas a verdade é que Caboclo nem teve tempo de seguir o conselho de Ricardo Teixeira, já que acabou por ser suspenso no domingo pelo Comité de Ética da CBF, por acusações de assédio sexual e moral.

Lembre-se que Jorge Jesus deixou uma marca forte no Brasil, ao levar o Flamengo à conquista de todos os títulos nacionais e continentais, altura na qual já havia sido falado para suceder a Tite no comando da canarinha. Não aconteceu dessa vez e, ao que tudo indica, também não será desta.

Por Record
3
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Benfica

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.