Processo a Rui Gomes da Silva foi suspenso

Por causa da ação da SIC junto do Tribunal Arbitral do Desporto

• Foto: Filipe Farinha

O Conselho de Disciplina (CD) decidiu suspender o processo disciplinar que tinha aberto a Rui Gomes da Silva, ex-vice-presidente do Benfica, por causa de declarações prestadas no programa 'O Dia Seguinte', da SIC Notícias.

O antigo dirigente das águias foi o primeiro (e, para já, único) alvo das regras disciplinares que entraram em vigor nesta temporada e que preveem a punição a dirigentes e funcionárias de clubes por causa de declarações críticas dirigidas a árbitros ou outros elementos da estrutura do futebol.

Ora, como a SIC interpôs um ação no Tribunal Arbitral do Desporto (TAD) que visava pôr em causa a legalidade destas normas introduzidas no Regulamento Disciplinar, o Conselho de Disciplina aceitou a proposta da Comissão de Instrutores para suspender o processo disciplinar a Rui Gomes da Silva.

Isto é: o CD entendeu que não fazia sentido pronunciar-se sobre um processo correndo o risco de, mais tarde, a norma ser considerada ilegal ou inconstitucional por um tribunal de instância superior.

Caso o TAD considere que a normal é legal e legítima, então o processo disciplinar a Rui Gomes da Silva será retomado e o antigo dirigente pode vir a ser mesmo punido.

Por Sérgio Krithinas
20
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Benfica

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.