«Raúl Jiménez no céu; Chicharito no inferno»

Jornal mexicano 'Récord' enaltece fase do avançado do Benfica

• Foto: Getty Images

Com quatro jogos seguidos a marcar, o avançado Raúl Jiménez vive uma das melhores fases da sua carreira, momento que é o total oposto daquele que vive um dos seus grandes rivais na seleção mexicana, Javier Hernández, no mundo do futebol conhecido como Chicharito. Uma situação que esta terça-feira merece amplo destaque no jornal 'Récord', que faz mesmo uma comparação curiosa: "Chicharito e Jiménez, a diferença entre o céu e o inferno".

Ora, de acordo com dados analisados pelo 'Récord', se Jiménez totaliza quatro golos nos últimos quatro jogos - seis nos últimos oito -, Chicharito vai já numa seca de dois meses e meio, num total de 14 encontros sem conseguir encontrar o caminho do golo. Pior de tudo, só mesmo os restantes dados, nomeadamente em relação a minutos de utilização. Desde o último golo de Jiménez, a 1 de outubro, Chicharito teve mais do dobro dos minutos do que o benfiquista, mas, nesse período, o jogador das águias marcou seis golos... contra nenhum do dianteiro do Bayer Leverkusen...

Daí a situação distinta de ambos. Jiménez no céu, a fazer a águia voar mais alto do que nunca; Chicharito no inferno, afundado juntamente com o seu Leverkusen, que em 14 jogos sem golos de Chicharito venceu apenas seis.

Por Fábio Lima
4
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Benfica

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.

0