Record

Ronald Koeman: «Faltou tranquilidade»

LAMENTA GRANDE PENALIDADE FALHADA POR SIMÃO

O “penalty” defendido por Jorge Baptista logo no início da segunda parte intranquilizou a equipa do Benfica. Esta é a leitura feita por Ronald Koeman no final do desafio onde o clube lisboeta foi surpreendido em casa pelo Gil Vicente.

Na sua análise ao jogo, o treinador holandês, sob o olhar atento de José Veiga, referiu: “Creio que no ataque estivemos bem, especialmente durante a primeira parte, em que jogámos com velocidade e criámos muitas oportunidades. Faltou-nos alguma sorte. Depois, surgiu o lance do ‘penalty’ que não conseguimos converter. A partir desse momento faltou tranquilidade à nossa equipa.”

Sistema diferente

O conjunto encarnado apresentou-se com um sistema táctico que nunca utilizou na pré-época (3x4x3). Confrontado com o facto, o holandês defendeu: “Gostei da equipa na primeira parte, pois mostrou muita mobilidade, principalmente no lado esquerdo, onde o Nélson esteve muito bem. Não sei se vamos manter este modelo, mas o conjunto revelou uma boa atitude. Agora, temos de reflectir.”

O campeonato vai parar durante alguns dias devido aos jogos relativos à qualificação para o Mundial de 2006. Koeman não se mostra muito agradado com esse facto: “Neste momento preferia estar com os meus jogadores para analisarmos a situação, pois precisamos de tranquilidade. Infelizmente, só vão regressar dois antes do próximo desafio.”
67
Deixe o seu comentário
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Benfica

Notícias

Notícias Mais Vistas

M