Rui Vitória e a amizade com Jesus: «Estava a pensar que me iam perguntar do Pedro Emanuel...»

Não quis alongar-se sobre as declarações do técnico do Sporting

• Foto: João Miguel Rodrigues

Rui Vitória não quis esta terça-feira alongar-se sobre as palavras de Jorge Jesus, que disse que "amanhã" ia ser amigo do técnico benfiquista.

"Para já não vou comentar porque são cosias que não me apetece comentar. Cada um de nós tem a sua vida, o treinador do Sporting, do FC Porto, cada um faz o seu trabalhinho descansado. Estava a pensar que me iam perguntar do Pedro Emanuel. O resto não é importante", frisou o treinador das águias durante a conferência de antevisão do encontro com o Estoril.

Acerca das queixas contra Jonas e Samaris, o discurso não foi muito diferente: "Respeito todos os clubes em Portugal. Quais são os movimentos que faz o Kléber de ataque à baliza? O Diogo Amado como começa a jogar? Vocês sabem? Como é que o Estoril defende, com quantos homens aparece na área? Essas foram as preocupações que eu tive. Eu tenho uma máxima: quem caminha e se distrai com quem fala para os lados não chega ao seu destino. Não quero entrar por aí. O meu objetivo é preparar o Estoril".

"A minha vida é desporto desde criança. Lidei com muitas crianças na escola, ando no futebol há muitos anos, lidei com muitos homens, treinadores… A minha vida não é vender desporto, mas ser impulsionador e tudo o que faço é nesse sentido. Quem quiser que faça o quiser fazer sobre isso. A minha consciência esta perfeitamente tranquila e não é só por causa desse caso", concluiu o treinador do Benfica.

Por Luís Miroto Simões
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Benfica

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.