TAD absolve Benfica de multa por críticas a arbitragem

Encarnados tinham sido punidos em 40.800 euros por uma publicação na sua newsletter diária

O TAD (Tribunal Arbitral do Desporto) deu razão a mais um recurso apresentado pela SAD do Benfica e anulou um castigo aplicado pelo Conselho de Disciplina (CD) da Federação Portuguesa de Futebol (FPF) no valor de 40.800 euros.

Em causa estava a dita punição do CD da FPF, depois de várias críticas à arbitragem feitas pelos encarnados na sua 'newsletter', tanto em jogos do FC Porto, como do emblema da Luz. Após a receção ao V. Setúbal (7.ª jornada), os encarnados atiraram-se, por exemplo, a Tiago Martins, num jogo que ficaria também marcado pelo famoso 'caso da moeda'.

Além disso, as críticas na referida publicação do Benfica referia-se ainda às arbitragens das equipas lideradas por Carlos Xistra no embate dos dragões com o V. Guimarães (4.ª jornada da Liga); Rui Costa no confronto dos azuis e brancos com o Portimonense (5.ª jornada); e Luís Godinho no jogo dos dragões com o Santa Clara (6.ª).

No acórdão, a que Record teve acesso, o TAD considera que as águias fizeram uso de "um tom duro", mas não suficiente para para "justificar uma limitação à liberdade de expressão". Segundo este órgão, "punir disciplinarmente" o Benfica seria um "sacríficio desproporcional da liberdade de expressão".

A FPF terá ainda de pagar as custas do processo, no valor de 6.640 euros, acrescidos de IVA.

Por Filipe Pedras

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Benfica

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.

0