Tranquilidade à volta de Lindelöf

Defesa de saída em janeiro

• Foto: Fernando Ferreira

O Benfica mantém-se tranquilo em relação ao que está acordado com o Manchester United, tendo em conta a saída de Lindelöf já no mercado de janeiro. Ontem, a generalidade de imprensa inglesa seguiu a estação televisiva BBC, que ao início da tarde deu conta da desistência dos red devils em relação ao central benfiquista. Estas informações basearam-se no suposto facto de José Mourinho estar satisfeito com a atual dupla de centrais da equipa, constituída por Marcos Rojo e Phil Jones.

Independentemente desta satisfação do treinador português, e de o clube deixar passar a imagem de recusar leilões, segundo a mesma notícia, a verdade é que na Luz nada se alterou em relação ao que tem vindo a ser falado com Jorge Mendes, patrão da Gestifute, que tem liderado todo este processo. Até porque não houve nenhuma informação em contrário.

Lindelöf deverá mesmo deixar o Seixal já na reabertura de mercado, tendo o negócio ficado alinhavado após uma viagem do presidente benfiquista e de Jorge Mendes a Inglaterra. Na altura, águias e Manchester United acertaram o acordo, que está na iminência de ser anunciado, como Record noticiou.

Além do internacional sueco, também Nélson Semedo está envolvido nas conversações entre os dois emblemas, embora a saída do lateral-direito possa acontecer apenas no próximo verão. Este ‘pacote’ permitirá aos encarnados um encaixe histórico e milionário. Nélson Semedo, recorde-se, tem uma cláusula de 80 milhões de euros, enquanto Lindelöf, pelo menos até assinar a renovação, não passa dos 30 milhões de euros.

Por João Soares Ribeiro e Vanda Cipriano
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Benfica

Notícias

Notícias Mais Vistas