Três juniores do Benfica com novos contratos

Pedro Álvaro e Diogo Capitão renovam; Luís Pinheiro assina como profissional

Pedro Álvaro, Diogo Capitão e Luís Pinheiro, campeões nacionais de juniores, viram os os respetivos vínculos com o Benfica sogfrerem alterações. Os dois primeiros renovaram até 2023; o terceiro assinou contrato profissional, também até 2023.

Segundo o site dos encarnados, Pedro Álvaro, natural de Seia, é júnior de 1.º ano. O defesa-central já está há sete épocas ao serviço do Benfica. Ingressou no Centro de Formação e Treino SL Benfica de Viseu em 2011/12, tendo transitado para o Caixa Futebol Campus em 2012/13, enquanto infantil sub-13. Iniciou o seu percurso no Seia FC e também representou a AD São Romão.

Pedro Álvaro trabalhou com frequência com o plantel do Benfica B e estreou-se na 2ª Liga durante a época 2017/18, tendo sido lançado em dois jogos e convocado para sete. De águia ao peito, já se sagrou campeão nacional de iniciados (2013/14) e de juniores (2017/18).

Nesta última época, o central realizou 16 jogos no Campeonato Nacional e cinco na UEFA Youth League. Tem 22 internacionalizações em todos os escalões da seleção portuguesa (uma nos Sub-15, 11 nos Sub-16, seis nos Sub-17 e quatro nos Sub-18) e marcou três golos.

"Vou continuar a trabalhar da mesma maneira, aplicar-me no dia a dia. É mais um objetivo alcançado na minha carreira. Estou muito feliz", disse Pedro Álvaro à BTV.

Já Diogo Capitão (06.03.2000), também júnior de 1.º ano, está ligado ao Benfica há 12 épocas. O médio chegou em 2006/07, proveniente do Vilafranquense, e ainda integrou as Escolas de Futebol do Benfica, antes de ter idade para entrar nos escalões de competição, tendo percorrido depois todos os escalões até ao momento. Oficialmente só jogou pelo clube da Luz e fá-lo desde 2009/10, há nove épocas.

Campeão nacional de juniores em 2017/18, época em que alinhou em 28 jogos do Campeonato, tendo marcado um golo. Fez ainda uma partida na UEFA Youth League. Na última temporada, Diogo Capitão estreou-se pelas seleções nacionais jovens, tendo somado as três primeiras internacionalizações, pelos Sub-18, no Torneio Internacional do Porto.

"Trabalhei para que isto acontecesse. A equipa também fez com que eu me realçasse. Agradeço ao Clube por me ter renovado o contrato. É um orgulho, já são 12 anos com este símbolo", referiu Diogo Capitão.

A finalizar, Luís Pinheiro, igualmente júnior de 1º ano, está há sete épocas no Benfica. O lateral-direito evolui nas águias desde 2011/12, então oriundo d’O Calipolense, da AF Évora. Campeão nacional de Juniores em 2017/18, participou em 26 encontros e apontou um golo. Teve ainda a oportunidade de alinhar num desafio da UEFA Youth League. Tem sete internacionalizações desde 26 de maio de 2015: duas nos Sub-15 e cinco nos Sub-16.

"É muito bom ter assinado contrato profissional. Era um objetivo e neste ano consegui concretizar o sonho devido também ao facto de termos sido campeões nacionais de juniores", frisou Luís Pinheiro.

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Benfica

Notícias

Notícias Mais Vistas