Record

Vieira: «Dependemos de nós próprios»

PRESIDENTE PEDE CALMA AOS BENFIQUISTAS

Luís Filipe Vieira participou hoje na mini meia-maratona de Lisboa e no final, ao abordar a derrota do FC Porto frente ao Sporting, pediu aos benfiquistas para não entrarem em euforias relembrando que, para já, o jogo mais importante é amanhã frente ao E. Amadora.

“Temos ter os pés bem assentes no chão, temos de ser uma equipa bastante humilde, respeitando todos os adversários e fazendo a abordagem que há bastante temos vindo a fazer, que é jogo a jogo. Desde o jogo com o Sporting de Braga que esta equipa tem tido uma postura completamente diferente”, afirmou o presidente encarnado.

Luís Filipe Vieira sublinha que a partida mais importante, neste momento, é com o Estrela da Amadora amanhã e não a recepção aos portistas.

“Que o estádio da Reboleira esteja cheio de benfiquistas, a apoiar a nossa equipa. Este é um jogo bastante importante. O outro depois ninguém se deve recordar dele ainda. É importante que os benfiquistas não entrem em euforias, pois elas fazem mal a muita gente”, realçou. E vincou: “Dependemos de nós próprios”.

Questionado se tinha festejado o golo do chileno Rodrigo Tello, Vieira garantiu: “Não. Aliás, não salto com os golos do Benfica, também não salto com os golos dos outros”.

Os encarnados recebem o FC Porto no dia 1 de Abril e Luís FIlipe Vieira assegurou que, desta feita, não vai haver a habitual troca de palavras, pelo menos do lado da Luz: “Não vai ouvir palavras dos dirigentes do Benfica”.
37
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Benfica

Notícias

Notícias Mais Vistas

M