Vieira leva processo disciplinar

Por causa dos protestos contra João Ferreira no camarote da Luz

• Foto: Pedro Ferreira

O Conselho de Disciplina (CD) anunciou a abertura de um processo disciplinar a Luís Filipe Vieira. Apesar de o nome do presidente do Benfica não ser referido no comunicado, Record sabe que é ele o alvo.

Em causa estão os protestos dirigidos pelo líder das águias contra João Ferreira, vice-presidente do Conselho de Arbitragem, que estava junto ao observador no camarote do Estádio da Luz durante o jogo com o V. Setúbal e noticiados em exclusivo por Record.

Descontente com a arbitragem de Manuel Oliveira, Vieira não escondeu a sua revolta, questionando a nomeação do juiz da AF Porto, de quem as águias já se tinham queixado na época passada.

O CD mandou instaurar um processo de inquérito, que enviou à Comissão de Instrução e Inquéritos (CII), que o converteu em processo disciplinar, depois de ter havido participação do Conselho de Arbitragem. 

Vieira arrisca agora uma pena que pode ir de um mês a um ano de suspensão, se for considerado provado que cometeu "lesão da honra e reputação" de membros dos órgãos da estrutura desportiva.

Por Miguel Pedro Vieira
37
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Benfica

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.

0