Record

Vieira procura novo Camacho

SUCESSOR SERÁ "PROFISSIONAL IDÊNTICO" AO TÉCNICO ESPANHOL

Vieira procura novo Camacho
Vieira procura novo Camacho • Foto: Carlos Patrão
Luís Filipe Vieira definiu ontem o perfil do novo treinador do Benfica. Segundo o presidente dos encarnados, será alguém com uma “personalidade muito vincada, como José Antonio Camacho tinha”, e que seja “um profissional idêntico” ao espanhol. Por outras palavras: “Que não se deixe influenciar por ninguém, que pense pela sua própria cabeça, e não deixe ninguém intrometer-se no seu trabalho. No último ano e meio, não houve dirigentes ou amigos a tentar influenciar ou fazer equipas.”

O dirigente asseverou que não falava de Scolari. “Não sei qual é o perfil dele”, atirou, adiantando: “A única vez que o Benfica contactou Scolari foi quando saiu Jesualdo Ferreira.” Vieira adiantou que não procurou sucessor para Camacho enquanto não se concretizasse o seu ingresso no Real Madrid. Do brasileiro, disse o que toda a gente sabe: “É campeão mundial.
Neste momento, é treinador da Selecção portuguesa. Por isso, de certeza que é bom treinador para qualquer equipa do Mundo.”

Telefonema

Regressado ontem do Brasil, Vieira recebeu um telefonema de Camacho a informá-lo de que não resistiu ao apelo do clube do coração. Nada que o tivesse surpreendido.

“A semana passada tivemos uma conversa e acordámos que até segunda-feira [ontem] alguma coisa iria passar-se. Desde que fosse o Real Madrid, o clube da vida dele, não podíamos levar a mal. Se porventura não houvesse acordo, ele queria continuar no Benfica”, contou Vieira, que no fim-de-semana irá encontrar-se com o treinador espanhol.

Substituto em breve

O presidente do Benfica garantiu que até ao início da próxima semana será encontrado o novo treinador. “A partir de hoje [ontem], podemos começar a pensar no substituto de Camacho. Irá ser um homem com o perfil dele”, disse, insistindo que não contactou qualquer treinador nem ninguém por ele mandatado. Vieira reafirmou que a continuidade do espanhol era “importante” para o seu projecto, mas, apesar da “mágoa” com que o vê partir, disse que a amizade se mantém. “Espero que tenha sucesso e que no dia em que o conseguir possa dar-lhe um abraço.” E deixou um apelo aos adeptos: “Tenham confiança, saberemos encontrar alternativas.”

Paulo Almeida e Alcides confirmados

Vieira anunciou ontem, pela primeira vez, as contratações dos brasileiros Paulo Almeida (médio) e Alcides (defesa-central), ambos vinculados actualmente ao Santos. Mas ainda não confirmou o extremo Carlitos, e o guarda-redes Yannick. Sobre o ainda estorilista, afirmou tratar-se de um jogador que está a ser observado pelo Benfica. O presidente do clube da Luz garantiu que não haverá “profundas alterações” no plantel. “Pela primeira vez nos últimos dez anos não temos essa preocupação”, começou por congratular-se, acrescentando, de imediato: “Se tiver de haver ajustamento, vai haver. Hoje podemos dizer que Paulo Almeida e Alcides são jogadores do Benfica. E outros virão.”

Ordenados com jogadores respeitados

Lembrando que Camacho “é um homem emotivo e frontal, Vieira asseverou que “o Benfica, dentro das suas possibilidades, deu todas as condições” ao espanhol. “Havia uma condição vital para ele: o Benfica cumpriu escrupulosamente, a tempo e horas, com os ordenados dos jogadores. Ele costumava dizer-me ‘Não prometas aquilo que não podes dar’.” Perante a acusação de não ter acautelado a renovação, sublinhou que “Camacho só faz contratos por uma época, salvo raras excepções, em que pode chegar a duas”.

Além disso, frisou que a lei permite aos treinadores demitirem-se mediante pré-aviso de 30 dias.
4
Deixe o seu comentário
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Benfica

Notícias

Notícias Mais Vistas

M