«Vlachodimos está na moda mas não posso deixar cair os outros dois»

Fernando Ferreira, treinador de guarda-redes do Benfica, analisa o grego mas também Svilar e Zlobin

Em quarentena, os jogadores do Benfica continuam a trabalhar. No caso dos guarda-redes, os trabalhos prosseguem em casa, com exercícios específicos. Em entrevista à BTV, os guardiões explicaram como trabalhavam antes da pandemia e falaram do bom ambiente que se vive nos treinos.

"Gosto de trabalhar aqui porque os treinos são diversificados, podemos trabalhar de tudo um pouco todos os dias. Quando cheguei ao Benfica, toda a gente me ajudou. As pessoas tratam das nossas coisas. Sentes-te confortável aqui, é como se estivesses em casa", explicou Odysseas Vlachodimos.

O guarda-redes que mais jogos realizou esta época pela equipa principal garante que os comandados por Bruno Lage estão "preparados para tudo": É uma boa equipa, toda a gente se trata bem. É um grande clube, tem uma grande atmosfera e um excelente centro de treinos. É fantástico. Acho que estamos preparados para os jogos, até pela forma como treinamos. Estamos preparados para tudo. É isso que sinto".
 
"Vejam o exemplo do Weigl"

Substituto de Vlachodimos quando este esteve indisponível, Ivan Zlobin soma sete jogos esta época pela equipa principal. O russo de 23 anos elogia a forma de trabalhar do clube, que passa por gravar os treinos com uma go-pro e várias câmaras que captam todos os ângulos: "Trabalhas no relvado e tens um plano, trabalhas no ginásio e tens um plano. Por vezes pensas que abordaste bem os lances e o treinador acha o contrário. Mas depois vemos o vídeo e tiramos as dúvidas sobre quem tem razão ou não".

"A adaptação ao Benfica não é difícil, mesmo para quem não conhece bem a língua. Basta vermos o exemplo do Weigl. Aqui treinamos muito bem e isso reflete-se nos jogos", concluiu Zlobin.
 
"Se jogares bem aqui, jogas bem em qualquer lado"

Com a chegada de Bruno Lage, Mile Svilar desceu um lugar na hierarquia e esta época ainda não fez qualquer jogo pela equipa A. Ainda assim, o belga não poupa elogios ao clube. 

"Para mim, o Benfica foi a primeira experiência longe de casa mais que um mês e meio e ao início foi estranho. Não conhecia a língua, mas fui recebido por alguns jogadores sérvios que já estavam no clube e que me ajudaram na comunicação. Depois de um ou dois meses tudo se tornou simples. É um clube muito completo. Tudo o que um clube grande deve ter, o Benfica tem", elogiou Mile Svilar, que chegou à Luz em 2017.

"O Ederson fez grandes épocas aqui e está a fazer bom trabalho em Inglaterra. Isso demonstra o quão grande este clube é. Se jogares bem aqui, jogas bem em qualquer lado. Vejam o Oblak, é outro exemplo", acrescentou o jovem de 20 anos.


"O Odysseas está neste momento na moda"

Fernando Ferreira, técnico de guarda-redes da equipa, explicou, ao canal do clube, a diferença entre os três guarda-redes: "Todos têm um enorme potencial. O que me salta mais à vista no "Ody" [Odysseas Vlachodimos] tem a ver com a capacidade de ser pouco emocional durante o jogo. Trabalhou três anos na Grécia e passa-lhe ao lado o ambiente dos jogos. Já o Ivan [Zlobin] é um guarda-redes muito poderoso, muito potente. Uma das principais características dele é que tem uma boa "pega". Por fim, Mile Svilar é muito rápido, muito explosivo e tem a coragem como uma das imagens de marca. É muito corajoso".

Vlachodimos é o guarda-redes principal do plantel, sendo a escolha de Bruno Lage no campeonato e nos principais jogos das restantes competições onde o Benfica esteve, ou está envolvido. Gerir esta situação, é um desafio. "O Odysseas está neste momento na moda e eu não posso é deixar cair os outros dois, se os deixo cair a intensidade cai e isso vai-se refletir no próprio "Ody". Com o Mile [Svilar] e o Ivan [Zlobin] a trabalhar como trabalham, a intensidade mantém-se elevada", garantiu Fernando Ferreira.

Por Andreia Candeias
1
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Benfica

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.