Xistra muito contestado no Estádio da Luz

Arbitragem desagradou os adeptos encarnados

• Foto: Luís Manuel Neves

A arbitragem de Carlos Xistra foi muita contestada na Luz, especialmente na primeira parte. Os assobios começaram pouco depois dos 20 minutos, após um lance entre Cervi e Nélson Monte que, na opinião do público benfiquista, seria passível de cartão amarelo para o central dos vila-condenses. Mais tarde, uma pretensa falta de Aderllan Santos sobre Chiquinho, que o juiz de Castelo Branco não marcou, incendiou ainda mais os ânimos do público da Luz, que contestou também o cartão amarelo a Cervi por protestos. Na mira dos adeptos encarnados ficou ainda a decisão de Carlos Xistra de não assinalar penálti de Matheus Reis sobre André Almeida (30’). Na sequência do lance, Tiago Pinto acabou por ser amarelado devido aos protestos junto do quarto árbitro. Apesar de tudo, o ambiente na segunda parte foi bem mais tranquilo, ainda que o juiz tenha sido assobiado à saída.

Por Alexandre Moita e Flávio Miguel Silva
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Benfica

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.

0