Jorge Simão: «Conseguimos descaraterizar o FC Porto com um jogo coeso e consistente»

Treinador dos axadrezados aborda dérbi e a questão do número exagerado de faltas

• Foto: Lusa

Jorge Simão não concorda com as críticas que foram feitas à sua equipa, a propósito do número de faltas e do tempo útil de jogo no dérbi com o FC Porto. Avisou que não quer entrar em polémicas mas mesmo assim deixou alguns recados.

"Tenho noção que esse jogo já está. Mal árbitro deu apito final é pôr a viola no saco e pensar no seguinte. Soa o apito final e não há mais nada que se possa fazer", considerou Simão, na conferência de imprensa de antevisão da partida de amanhã, com o Nacional.

Mas depois explicou: "Fizemos 25 faltas contra 11 do FC Porto e 6 delas deram amarelo. É um número exagerado para o que tem sido nossa média de faltas e cartões. Foi uma boa luta, um bom jogo, com contornos emocionais diferentes. É natural que as emoções tenham estado ao rubro, nos jogadores treinadores staff e adeptos. Ainda bem que assim foi."

E lembrou outros casos... "O Sporting venceu por 3-1 ao Rio Ave e fez 27 faltas e não se falou da dureza do Sporting. Nenhuma das nossas faltas foi agressiva para colocar em risco a integridade física do adversário. O Benfica tem 3 expulsões esta liga e nós temos 2!, frisou, acrescentando: "Já ando no futebol há tempo suficiente para perceber como coisas funcionam. Tinha vontade de dizer mais coisas, mas não seriam positivas para o Boavista. O árbitro apitou para fim do jogo, já acabou. Está arrumado." 

Confrontado com as declarações de Sérgio Conceição disse apenas "não tenho interesse em comentar". "O jogo com o FC Porto teve uma envolvência especial, contra um adversário praticamente invencível. Nós conseguimos descaraterizar o atual FC Porto com um jogo coeso e consistente. Há jogos que exigirão outras coisas de nós. Não quero entrar em polémicas, porque entrando em polémicas a luta é desigual."

Por André Gonçalves
Deixe o seu comentário
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Boavista

Notícias

Notícias Mais Vistas