Jorge Simão: «É um desfecho duro porque fomos melhores»

Treinador lamenta eliminação na Taça de Portugal

• Foto: José Reis/Movephoto

Jorge Simão, treinador do Boavista, lamentou a eliminação da Taça de Portugal aos pés do V. Guimarães dizendo que o Boavista foi superior.

"Mesmo com onze contra onze fomos melhores, tivemos iniciativa e não só depois da expulsão. Depois da expulsão, o que provoca na equipa adversária é que ela baixe as linhas e povoe muito mais as zonas próximas da área e fique a apostar em lançamentos longos e bolas paradas e pingadas na área para poderem procurar o golo, que surgiu na sequência de uma dessas bolas, na sequência de lançamento de linha lateral. Nem sempre com a melhor lucidez, porque olhávamos para o relógio e ele não para, os jogadores tiveram mérito, porque criaram situações de golo", referiu.

"O futebol é cruel por isso, porque se uma equipa trabalha e conquista tanto e não é premiada o resultado tem muito de cruel. Se o jogo fosse resolvido por pontos acumulados no decurso do jogo nós dávamos goleada. É um desfecho duro e mais duro ainda por sentirmos que fomos melhores do que o adversário, porque se fosse uma vitória limpa do Vitória, só nos tínhamos que nos resignar, mas não foi e sentimo-nos muito frustrados por este resultado. A realidade acaba às vezes por nos cuspir na cara e só temos de enfrentá-la", concluiu o treinador.

Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Boavista

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.

0