Lito Vidigal: «Campeonato ainda está para durar»

Treinador do Boavista analisa derrota frente ao Tondela

• Foto: Lusa

O Boavista foi esta sexta-feira a Tondela perder, por 1-0, na 30.ª jornada da Liga NOS, com o resultado a nascer de uma infelicidade de Sparagna.

"É claro que sofrer um golo desta forma [autogolo de Sparagna, aos 17 minutos] como sofremos é penalizador, mas a equipa trabalhou, criámos muitas situações de golo e podíamos ter feito dois ou três golos. Não digo que o Tondela também não tivesse depois, já no final, criado uma ou outra situação, mas faltou-nos, acima de tudo, eficácia, porque a equipa trabalhou, mesmo não tendo entrado forte no jogo, como pretendíamos", analisou Lito Vidigal.

"Não me parece que fazer faltas, ou não, tenha a ver com agressividade, porque nós podíamos ter sido mais agressivos e não ter cometido faltas, aliás, as minhas equipas até são pouco faltosas. São agressivas e intensas, mas pouco faltosas2, referiu, acrescentando. "Faltou-nos ganhar mais duelos no meio campo, principalmente na primeira parte, mas podemos ganhá-los sem cometer faltas." 

"[O que estava a faltar] Acima de tudo vontade de ganhar o jogo. Viemos com vontade de ganhar, aliás esse é o nosso propósito e a intenção de sempre, independentemente do adversário, é sempre o mesmo, é ganhar, e foi nesse sentido que as alterações foram feitas."

"Ainda faltam quatro jogos e é nesse sentido que temos de pensar e que temos de estar focados. Sempre disse que o campeonato ainda está para durar. Temos de continuar a pensar num jogo de cada vez, focados no próximo jogo", apontou.

Video_2019_04_19_16_12_42_381

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Boavista

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.