Lito Vidigal: «Na primeira parte conseguimos equilibrar, mas aquele golo duvidoso...»

Treinador do Boavista satisfeito pela prestação dos seus jogadores e pelas estreias de Ruizinho e Samú

Cervi marcou, jogadores do Boavista protestaram e acabou tudo 'embrulhado'

O Boavista perdeu (1-4) com o Benfica, em jogo de abertura da 13.ª jornada do campeonato português, num encontro em que os golos de Vinícius (2), Cervi e Gabriel, do Benfica, e de Stoljijkovic , do Boavista, fizeram ‘dançar’ o placard.

No final do encontro, Lito Vidigal, treinador do Boavista, afirmou que o encontro diante das águias foi "muito competitivo", acabando por realçar o lance do segundo golo do Benfica, marcado por Cervi, que na opinião do técnico axadrezado é… "duvidoso".

"Foi um jogo extremamente competitivo. O Benfica respeitou-nos muito. Um jogo sério, intenso e competitivo. Durante a primeira parte conseguimos equilibrar, mas aquele golo duvidoso, vou dizer duvidoso, para não dizer que é falta, mas é falta sobre o Marlão. Na altura estava tudo empatado ainda, mas não vou dizer que foi por isso que perdemos. De forma geral, o Benfica venceu de forma justa. O mais importante foi poder estrear dois jogadores como o Ruizinho e o Samú", afirmou Lito Vidigal.

O resumo do Boavista-Benfica
Depois do segundo golo do Benfica

"A equipa trabalhou e jogou com qualidade. Não podemos competir com o poderio do Benfica, mas acima de tudo os jogadores deram o máximo e quiseram vencer. Quando perdemos desta forma só temos de elogiar o adversário."

Estratégia para o encontro

"Estou constantemente a desmontar a equipa, temos de olhar para o adversário. É muito importante para o Boavista estrear e lançar jogadores jovens, faço-o porque têm qualidade. Estou muito contente com as estreias de Ruizinho e Samu que entraram e fizeram um jogo fantástico", finalizou.

Por Sérgio Magalhães
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Boavista

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.