Rami reconhece: «Muitas saídas, muitas meninas e não prestei atenção ao meu peso»

Defesa do Boavista regista que ama comer no lançamento do seu livro cheio de revelações bombásticas

• Foto: José Gageiro/Movephoto

Adil Rami, defesa-central que agora representa o Boavista, não deixou nada por dizer no lançamento do livro 'Autópsia' e que retrata a sua longa carreira.

"Podia ter tido uma carreira melhor se tivesse um estilo de vida melhor. Muitas saídas, muitas meninas e não prestei atenção ao meu peso. O meu grande problema era a comida. Eu amo comer. É uma pena porque quando estou 100 por cento fisicamente, nenhum avançado no mundo me assusta", reconheceu sem pudor ao 'Le Fígaro' o francês campeão do Mundo em 2018.
 
Rami abordou também os tempos do Marselha de onde foi demitido por alegada conduta imprópria, por via de uma má relação e vários desentendimentos com Jacques-Henri Eyraud, presidente do clube, e quando o jogador era ainda namorado da famosa Pamela Anderson.

"Amo o clube e os adeptos, mas há uma pessoa que odeio. Ele está habituado a trabalhar com o Mickey e Pateta [Jacques-Henri Eyraud trabalhou na Disney] e acredita que é a mesma coisa no mundo do futebol. Ele desrespeitou-me e as pessoas não sabem os verdadeiros motivos da minha saída do Marselha. Ainda não posso falar sobre isso, mas um dia saberemos a verdade. Estou em tribunal com eles, fui demitido injustamente e a justiça fará o seu trabalho", registou o jogador do Boavista.

Rami disse ainda admirar Didier Deschamps, que com ele foi campeão do Mundo em 2018, mas nem tudo começou bem: "Com ele foi difícil no início. Eu odiava-o. Agora agradeço-lhe. Quando ganhamos o Mundial, fui vê-lo para pedir desculpas. No começo, ele era muito rígido, só pensava no trabalho. Amo trabalhar, mas não 24 horas, também é necessário descomprimir e nem sempre nos entendemos nisso."

Por Record
2
Deixe o seu comentário
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Boavista

Yusupha Njie sob análise

O internacional gambiano, de 27 anos, terminou a sua ligação ao Boavista e está livre para definir o seu futuro

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.