Receita da receção ao Benfica penhorada

Em causa está uma dívida dos axadrezados ao jogador Agustín Peña

• Foto: Paulo Calado

A receita do encontro entre o Boavista e o Benfica, do próximo domingo, está penhorada. Em causa está uma dívida do clube axadrezado a Agustín Peña, uruguaio que chegou ao Bessa em 2014, mas acabou dispensado por Petit. Após a rescisão, o Boavista não cumpriu com o pagamento das duas últimas fatias do valor acordado – cerca de oito mil euros –, pelo que o jogador recorreu a um Processo de Execução para penhora de bens. A penhora total é agora de 9.398€ (dívida, juros e despesas do tribunal).

Contactado por Record, o advogado do jogador, Dr. Nuno Rêgo, confirmou apenas "ser o advogado de Agustín Peña", mas rejeitou adiantar mais pormenores sobre o processo: "Por ainda não ter contactado com o meu cliente, não estou autorizado a comentar publicamente o assunto." Esta dívida, porém, não consta no Sireve (Sistema de Recuperação de Empresas Via Extrajudicial). Para a receção aos encarnados espera-se lotação esgotada no Bessa.

Por Fábio Aguiar
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Boavista

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.