Domingos Almeida Lima e Sousa Cintra deram o exemplo antes do dérbi

Vicepresidente do Benfica e presidente do Sporting juntos em amena cavaqueira

A cerca de 45 minutos do pontapé de saída para o dérbi entre Benfica e Sporting, Domingos Almeida Lima e Sousa Cintra deram o exemplo, ao juntarem-se para uma declaração à BTV. Na condição de representante do Benfica na ausência de Luís Filipe Vieira, Almeida Lima destacou a importância das boas relações entre rivais, algo que Sousa Cintra corroborou, numa declaração pautada pela boa disposição entre ambos.

"Queria desejar boas vindas à delegação do Sporting. Dirijo a mensagem do presidente, que não pode estar aqui. É um prazer para nós receber esta delegação. Que se sintam bem, que desfrutem e que ganhe o melhor", começou por dizer Almeida Lima.

Ali ao lado, Sousa Cintra destacou a importância das boas relações e recordou que sempre bem tratado no reduto das águias. "É bom referir que sempre fui bem recebido aqui. Essa relação foi impecável, com respeito mútuo. É um prazer estar aqui. Tenho ótima relação com os dirigentes do Benfica, infelizmente o presidente não pode estar aqui. É indispensável esta boa relação. Sporting e Benfica fazem a bandeira nacional. Temos de olhar uns para os outros, mas com rivalidade saudável. Deve funcionar no campo, mas fora devem entender-se e ser amigos. O futebol precisa de paz, já chega de guerrilha. Nunca conheci ninguém que ganhe com guerras. Espero que o Benfica e Sporting façam bom espectáculo. Infelizmente o Sporting tem vários jogadores importantes de fora, os principais estão lesionados. Os que foram contratados não podem jogar, mas jogamos com o que temos. Espero que o melhor seja o Sporting", declarou o líder dos leões.

A finalizar, e antes do cumprimento entre ambos, Almeida Lima 'aprovou' aquilo que Sousa Cintra dissera. "Corroboro as palavras de Sousa Cintra. Sem esta participação viva de Sporting e Benfica o futebol nacional perde potencialidades. É o motor do desporto nacional, com o devido respeito aos restantes. Esta rivalidade é o que faz vibrar e animar estas multidões que enchem estádios. Que seja jogo um correto, com árbitro que não se dê por ele e que, no final, que aceitemos o resultado, por ter sido um bom jogo de futebol", finalizou.

Por Fábio Lima
34
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Liga NOS

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.