Isto é o final feliz na sua plenitude

Enfim a vitória caseira

Um jogo com 922 adeptos a acabar em cima do início da grande decisão do título tinha tudo para ser enfadonho, mas acabou por ser até bem entretido e com uma história bem interessante para contar.

O Moreirense despede-se da época a ganhar em casa o que é a grande notícia que esta crónica pode dar, pois isso já não acontecia desde o dia 20 de dezembro do ano passado!

Curiosamente, a vítima dos cónegos voltou a ser uma equipa da Madeira, depois do Nacional à 14ª jornada, o tal último confronto pleno de felicidade caseira. Entretanto, passaram 11 jogos, incluindo 2 da Taça da Liga, com 8 derrotas e e 3 empates.

Por tudo isto e por mais uma razão, o triunfo de ontem era mesmo o que faltava a Miguel Leal para um final feliz em Moreira de Cónegos, até porque estes três pontos também deram para ultrapassar o adversário direto na tabela e é sempre melhor acabar um lugar acima.

Enfim, tudo acabou em bem, muito por culpa de mais uma demonstração cabal da veia goleadora de Rafael Martins. O brasileiro que já era o melhor marcador da história do Moreirense, cimentou esse feito com mais 2 golos e bateu até a sua melhor marca pessoal, que era 15 em Setúbal.

Quanto ao Marítimo, como se percebe, pouco mais podia fazer, perante tantas baixas na equipa, mas principalmente porque está aí à porta a final da Taça da Liga e o foco já é total no jogo de Coimbra.

Nelo Vingada ainda pensou que o sangue novo que introduziu na equipa podia permitir retirar algo de positivo neste último jogo, mas não houve jeito, crescendo a preocupação para quem termina o campeonato com quatro derrota consecutivas.

Por António Mendes
1
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Liga NOS

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.