Reunião do G15 promete escaldar

Reintegração do Gil Vicente será um assunto central

Os clubes que constituem o G15 voltam hoje a reunir-se e a reintegração do Gil Vicente será um assunto central e que promete fazer aquecer os ânimos, até porque há posições muito distantes entre os vários emblemas. Como Record noticiou, vários clubes envolvidos na zona de descida, em especial Marítimo, V. Setúbal, Boavista, Tondela e Chaves questionam a validade da solução assinada por Pedro Proença com Gil Vicente e Belenenses. Carlos Pereira, presidente dos insulares, admitiu a Record que "há muitas coisas a esclarecer" no acordo de dezembro de 2017.

Há, no entanto, vários outros clubes que não aceitam que se volte a adiar a reintegração, desrespeitando o que ficou acordado no ano passado e fechado no regulamento de competições. Alguns emblemas, sabe o nosso jornal, admitem mesmo abandonar o G15 caso haja alguma tentativa de fazer abortar a subida do Gil.

Estas diferenças poderão, em último caso, causar uma cisão no G15, algo que os clubes, de uma maneira geral, não desejam. Até porque, em cima da mesa, também estará a discussão das propostas da FPF para melhorar a competitividade do nosso futebol, onde se incluíam medidas fiscais e benefícios de seguros, que são do interesse de todos.

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Liga NOS

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.