Vieira arrisca até 2 anos de suspensão após queixa do Sporting

Em causa estão as críticas a Bruno de Carvalho no dérbi de abril deste ano

• Foto: Ricardo Nascimento

A Comissão de Instrutores da Liga (CI) propôs ao Conselho de Disciplina (CD) da FPF a aplicação de uma suspensão entre dois meses e dois anos para Luís Filipe Vieira na sequência de uma queixa apresentada pelo Sporting.

Em causa estão as declarações do presidente do Benfica no pós-dérbi de Alvalade, a 22 de abril, nas quais acusa Bruno de Carvalho de ser "demagogo, populista e mentiroso compulsivo", comparando-o a Vale e Azevedo, antigo líder das águias.

Recorde-se que o embate da 30.ª jornada da Liga 2016/17 ficou envolto em polémica: perante a notícia da morte de Marco Ficini, adepto do Sporting, junto ao Estádio da Luz, Bruno de Carvalho endereçou uma carta a Luís Filipe Vieira na qual convidou o homólogo a sentar-se ao seu lado na tribuna presidencial. A proposta foi recusada pelo presidente do Benfica, que utilizou, no final do dérbi, a zona mista do José Alvalade para responder ao líder dos leões.

Segundo o documento da acusão do CI ao qual Record teve acesso, o organismo considera estarmos perante declarações que "possuem carga valorativa ultrajante, claramente ofensivas da honra e reputação" do presidente do Sporting, Bruno de Carvalho, e "suscetíveis de desprezar o seu bom nome e reputação". 

Para além da suspensão de dois meses a dois anos, a Comissão propõe ao CD uma multa que pode ir dos 5.100 aos 40.800 euros.

Audiência marcada para o dia 16

Segundo Record apurou, o CD já ordenou a notificação a Luís Filipe Vieira, estando a audiência disciplinar ao presidente do Benfica marcada para para as 14 horas do próximo dia 16, na sede na Federação Portuguesa de Futebol (Cidade do Futebol, Oeiras).



Por Alexandre Carvalho e Bruno Fernandes
111
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Liga NOS

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.