SAD aprova contas mas continua sem substituto para Antero

Eduardo Vítor Rodrigues inelegível para cargo na administração

• Foto: José Moreira

Os acionistas da SAD azul e branca aprovaram esta quinta-feira, por maioria de 99,9 por cento, o exercício de 2015/16, que resultou num prejuízo consolidado de 58,4 milhões de euros. Além das contas, foi também aprovado um voto de confiança à administração e à fiscalização da sociedade, sendo ratificado ainda o orçamento para 2016/17 que prevê um resultado líquido positivo de 2,7 milhões de euros.

Um dos pontos da reunião magna prendia-se com a eleição de um novo administrador não executivo para o conselho de administração, depois de Antero Henrique se ter demitido no início de setembro último. A proposta foi retirada, pois, segundo a nota publicada pelo FC Porto no seu site, "o presidente da Câmara Municipal de Gaia não pode ser eleito por, mediante parecer desta quarta-feira da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Norte (CCDR-N), se encontrar em situação de inelegibilidade superveniente".

Por André Monteiro
2
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de FC Porto

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.