Record

Assinatura Digital Premium Saiba mais

Adjunto revela aquilo que Sérgio Conceição disse ao árbitro

Treinador dos dragões foi expulso ao intervalo ante o Chaves

• Foto:  Filipe Farinha 
Na ausência de Sérgio Conceição, expulso ao intervalo no jogo diante do Chaves pelo árbitro Vítor Ferreira, foi o adjunto Vítor Bruno a analisar o encontro ao microfone da SportTV, numa entrevista rápida na qual a primeira palavra acabou por (sem nunca citar o nome do juiz do encontro) para o homem do apito.

"É importante refletir em conjunto e perceber o que se passa. Mas também é importante uma reflexão para que esta competição, que todos querem grande, se possa tornar melhor. Mas para isso acontecer é preciso trazer outros intervenientes mais capacitados. Só assim pode crescer. É pena, porque este jogo tinha aqui uma excelente moldura humana. Era algo impensável antes! É preciso dotá-la de intervenientes de outra capacidade, sobretudo nos intervenientes diretos no jogo."

Tática do Chaves, com três homens atrás

"Foi uma forma que o adversário encontro para pontuar aqui. O Daniel Ramos já tinha feito isso na época passada com o Marítimo, com essa abordagem do terceiro homem. Tentámos desbloquear, até porque tínhamos preparado essa situação, pois pensámos nisso em função do que fizerma. Não é justificação de tudo, pois tentámos. Na primeira parte sem grande dinâmica, estávamos muito estáticos... Na segunda procurámos golos, fomos audazes, a tentar entrar por dentro e por fora. Fizemos o golo e depois levámos o empate..."

Expulsão de Sérgio Conceição

"A mim parece-me que é importante referir que o FC Porto o campeão nacional em título. Ninguém lhe deu nada, foi com mérito próprio. Dá-me a ideia que algumas ações e comportamentos são tidos de ânimo leve... Se queremos uma competição maior, é preciso trazer outras pessoas. A única coisa que ouvi dizer foi "o tempo útil foi muito curto", já que só foram dados dois minutos de compensação.

No início da época foram feitas formações, houve o cuidado de informar para isso e depois vê-se uma primeira com perda de tempo com dois minutos de descontos. É ridículo. É preciso pôr a mão na consciência para perceber o que queremos para o nosso futebol"

Sérgio Conceição foi expulso e acabou a seguir o jogo da bancada
Por Fábio Lima
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de FC Porto

Notícias

Notícias Mais Vistas

M M