APAF processa Francisco J. Marques e comentadores

Associação de árbitros avança com queixa-crime

• Foto: Paulo Calado

O diretor de comunicação e informação do FC Porto, Francisco J. Marques, vai ser alvo de uma queixa-crime a apresentar em breve pela APAF. A associação de árbitros de futebol entende ter chegado o momento de marcar uma posição judicial sobre o atual clima em redor da arbitragem nacional, disse ontem, a Record, o seu presidente, Luciano Gonçalves.

"Estamos a fazer as diligências necessárias para processar o senhor Francisco J. Marques, mas não só. Também vamos apresentar queixas contra vários comentadores desportivos", afirmou o líder da APAF, vincando que a decisão está longe de se prender somente com o conhecido caso dos emails e tem por base várias intervenções feitas publicamente: "Quando se levantam suspeições, para bem do futebol, elas têm de ser provadas. Os árbitros merecem proteção."

Recusando a alongar-se muito sobre o tema, Luciano Gonçalves disse que a "APAF não tem conhecimento" sobre a possibilidade de os árbitros Bruno Esteves, Nuno Almeida, Manuel Mota e Vasco Santos virem a apresentar uma queixa-crime contra Francisco J. Marques por conta própria, pelo que, desta forma, "não faz sentido falar no seu afastamento deste ou daquele jogo".

Luciano Gonçalves não quis revelar a identidade dos comentadores que, além do diretor de comunicação portista, também serão alvo de processos judiciais, mas é certo que neste lote não estão incluídos apenas nomes afetos às cores azuis e brancas. Além da vertente judicial, os visados da APAF que também tiverem responsabilidades em clubes ou SAD serão igualmente alvo de queixas de âmbito disciplinar.

Um 4.º árbitro e outro VAR

Da famosa lista de oito árbitros divulgada por Francisco J. Marques no âmbito do caso dos emails, apenas Bruno Esteves, Nuno Almeida, Manuel Mota e Vasco Santos se mantêm na 1.ª categoria e podem assim ser nomeados para jogos do FC Porto. Até ao momento apenas dois tiveram intervenção direta na carreira dos dragões na prova: Manuel Mota foi o 4.º árbitro da última jornada, em Vila do Conde, e Bruno Esteves foi o vídeo-árbitro da partida com o Sp. Braga, na 4.ª ronda.

Por André Monteiro
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de FC Porto

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.