Record

Banco do FC Porto 'em brasa' com árbitro

Muitos protestos em relação às decisões do juiz

• Foto: Luis Manuel Neves

O critério disciplinar de Hugo Miguel esteve longe de agradar ao FC Porto e esse descontentamento começou por ficar patente aos 33’, numa falta de Bruno Fernandes sobre Corona que o árbitro tardou em punir com o amarelo.

Dez minutos mais tarde, o médio dos leões cometeu nova infração, desta feita sobre Herrera, e o banco do FC Porto saltou como uma mola a pedir o segundo cartão e o consequente vermelho, algo a que o juiz da partida não atendeu.

Por essa razão, aquando do intervalo, Luís Gonçalves foi o último elemento a abandonar o relvado, ficando à espera de Hugo Miguel para protestar de forma veemente a decisão.

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de FC Porto

Notícias

Notícias Mais Vistas