Evandro aparece como reforço

Suplente utilizado nos dois últimos duelos, ‘ultrapassou’ o capitão Herrera e Brahimi

• Foto: José Moreira

Evandro volta, finalmente, a sorrir. Até à passada sexta-feira, o brasileiro só tinha atuado durante cinco minutos na receção à Roma, em agosto. A travessia do deserto foi difícil, mas o facto de ter disputado o prolongamento em Chaves deu-lhe alguma confiança, reforçada pela circunstância de ter sido o eleito para a primeira substituição em Copenhaga.

"Está complicado", admite Evandro, de 30 anos, em relação à sua época, ressalvando que não lhe fica nenhum azedume por ser menos utilizado do que desejava: "Nos últimos jogos tenho tido oportunidades. É nestas alturas que tenho de mostrar as minhas capacidades, e acho que tenho entrado bem."

Na verdade, tanto em Chaves como em Copenhaga, Evandro foi preferido por Nuno para mexer no jogo em relação a nomes mais sonantes do plantel como Herrera ou Brahimi - o mexicano nem esteve em Trás-os-Montes e o argelino não viajou para a Dinamarca.

Mesmo não sendo candidato à titularidade, Evandro gere a sua situação sem se sentir desconfortável. "Desde que cheguei ao FC Porto cumpri sempre com a minha parte e respeitei as decisões dos treinadores. Acima de tudo, estou a sentir-me muito bem e contente por poder voltar a ajudar. Estou contente com este novo início, mas é claro que espero poder jogar mais vezes", diz.

Saída em janeiro fora dos planos

A perspetiva de conquistar espaço nas opções leva a que o ex-Estoril rejeite a possibilidade de auscultar o mercado, em janeiro, no sentido de conseguir jogar com maior regularidade. "Ainda pode acontecer muita coisa até lá. Basta ver que até há pouco tempo nem sequer estava a ser convocado. Não penso no meu futuro por agora, faço o meu trabalho e estou muito feliz no FC Porto."

Por Vítor Pinto
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de FC Porto

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.

0