FC Porto volta a "uma das maiores injustiças da história do desporto nacional" com Hulk

Dragões, o 'caso do túnel' e a suspensão de 17 jogos do brasileiro

Na sua newsletter diária deste sábado, o FC Porto recordou o regresso à competição de Hulk após ter cumprido 17 jogos de suspensão na sequência daquele que foi conhecido como o "caso do túnel" da Luz.


"Faz hoje dez anos que terminou uma das maiores injustiças da história do desporto nacional. Neste dia, há uma década, Givanildo Vieira de Souza regressava aos relvados após cumprir uma suspensão que o fizera falhar 17(!) jogos. Após os incidentes no túnel da luz, em dezembro, a Comissão Disciplinar da Liga castigou Hulk e o brasileiro esteve mais de três meses impedido de jogar futebol. Entretanto, a suspensão ditada por Ricardo Costa viria a ser reduzida pelo Conselho de Justiça para quatro jogos… menos treze do que o craque já havia cumprido. A 28 de março de 2010, o Incrível entrou em campo, no Restelo, para exibir toda a sua classe e marcar o segundo golo na vitória portista por 3-0 frente ao Belenenses", pode ler-se no 'Dragões Diário'.

2
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de FC Porto

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.