Francisco J. Marques critica intervenção de árbitro do TAD: «Eis o benfiquistão sem vergonha na cara»

Diretor de comunicação do FC Porto pronuncia-se no Twitter sobre palavras de advogado em programa da RTP2

• Foto: Ricardo Jr

Francisco J. Marques recorreu ao Twitter para mostrar a sua indignação relativamente à posição assumida por João Lima Cluny no programa da RTP2, 'Sociedade Civil', que defendeu que não são os clubes quem deve legalizar as claques, mas sim os próprios adeptos que se devem constituir como associação e registar-se.

"João Lima Cluny, filho do representante português no Eurojust, apresentado como advogado da sociedade Morais Leitão e árbitro do TAD, foi hoje à RTP 2 demonstrar um alinhamento obsceno com as posições do Benfica. Eis o Benfiquistão sem vergonha na cara", escreveu o diretor de comunicação do FC Porto.

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de FC Porto

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.