Francisco J. Marques responde a Proença e recorda penálti de Cardozo no Benfica-FC Porto de 2012

Presidente da Liga disse que "se tivesse VAR não tinha cometido o erro" de validar o golo de Maicon

• Foto: Pedro Ferreira

Francisco J. Marques recordou um penálti de Oscar Cardozo no Benfica-FC Porto de 2011/12, na sequência das declarações de Pedro Proença. O presidente da Liga, que apitou esse clássico, admitiu esta terça-feira que "se tivesse VAR não tinha cometido o erro" de validar o golo de Maicon, que valeu a vitória aos dragões por 3-2 no Estádio da Luz. Algo que motivou a resposta do diretor de comunicação do FC Porto.

"Pedro Proença diz e muito bem que se na altura tivesse o apoio do VAR não teria validado o golo de Maicon. Pena que não tenha esclarecido os adeptos do futebol se também mudaria de opinião se o VAR o tivesse ajudado a ver o penálti de Cardozo, cometido minutos antes", afirmou J. Marques no Twitter.

O diretor de comunicação publicou depois as imagens dos lances em questão, sublinhando: "Ao contrário da propaganda, não houve só um erro, mas sim dois. Com o resultado em 2-2 e na sequência de um canto, Cardozo joga a bola com os dois braços, numa grande penalidade clara. Seis minutos mais tarde Maicon marca de forma irregular, no segundo erro grave, um para cada lado. A propaganda ainda fala apenas e só neste lance e propositadamente esquece o outro, como esquece o facto do mesmo Pedro Proença ter sido barbaramente agredido no Colombo."



30
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de FC Porto

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.