Luis Díaz titular pela seleção mas discreto

Extremo em contraponto com Matías Uribe

Com Luis Díaz passou-se o contrário do seu compatriota e companheiro de equipa, Mateus Uribe. O extremo, de 22 anos, fez parte dos titulares de Carlos Queiroz, quando era apontado inicialmente ao banco de suplentes, mas a sua exibição esteve longe de agradar, desde logo à imprensa colombiana. Díaz foi utilizado sobre o flanco esquerdo, como acontece habitualmente no FC Porto, mas nunca conseguiu ser um fator de desequilíbrio na seleção cafetera.

Muitas vezes a surgir no corredor central, procurando servir os pontas-de-lança Alfredo Morelos e Luis Muriel, o jovem extremo não teve espaço e com isso a sua ação revelou-se infrutífera. Acabou por ser substituído no decorrer da segunda parte para dar lugar ao estreante Mendoza.

Tal como acontece com Uribe, Díaz também vai dando sinais de algum desgaste, ele que é o jogador do plantel portista com mais presenças em campo na época em curso. Não fosse o castigo por ter estado na polémica noitada da semana passada, que o fez perder o dérbi da Invicta, o internacional colombiano teria marcado presença nos 19 jogos oficiais realizados pelos dragões. Mesmo assim, o extremo é o segundo melhor marcador da equipa, com seis golos, e tem sido um dos reforços em destaque, fazendo esquecer em certa parte Yacine Brahimi.

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de FC Porto

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.