Marcano fugiu à revolução

Defesa espanhol firme na defesa

• Foto: José Moreira

O desilusão dos responsáveis portistas relativamente ao rendimento da defesa na época passada fez com que Iván Marcano tivesse sido um dos centrais colocados no mercado durante este verão, mas o espanhol manteve-se no plantel e recuperou a confiança. Nuno Espírito Santo concedeu-lhe até o estatuto de subcapitão na festa de apresentação aos sócios, o que diz bem da sua evolução.

O mesmo é dizer que o central, de 28 anos, resistiu à revolução que assolou a equipa do FC Porto de um ano para o outro. Olhando para os titulares que Julen Lopetegui lançou na abertura do campeonato 2015/16, frente ao V. Guimarães, apenas cinco vão entrar de início em Vila do Conde... e nenhum no ataque.

Casillas, Maxi Pereira e Marcano mantêm-se firmes na retaguarda, o mesmo acontecendo com Danilo Pereira e Herrera no meio.

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de FC Porto

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.