Marega elogia Conceição: «Graças a ele fiz a melhor época da minha carreira»

Avançado maliano demonstrou-se agradecido ao técnico, em declarações ao site da UEFA

• Foto: José Gageiro/Movephoto

Moussa Marega nem sempre teve vida fácil no Dragão, mas desde a época passada assumiu um papel chave na manobra ofensiva montada por Sérgio Conceição, sendo uma das peças fundamentais ora na conqusitar do título nacional que fugia há já quatro anos, ora na boa campanha dos dragões na Liga dos Campeões, esta temporada.

Em entrevista ao site da UEFA, o avançado maliano passou em revista os anos de azul e branco, falou sobre a importância dos golos marcados na 'Champions' e deixou elogios a Sérgio Conceição, a quem revelou estar muito agradecido.

"O Sérgio Conceição apostou tudo em mim e foi graças a ele que fiz a melhor época da minha carreira. Estou-lhe muito grato por isso. Ele sabe como lidar comigo e como tirar o melhor partido de mim em campo. É realmente um grande treinador", começou por dizer, antes de revelar que a chegada ao FC Porto foi um marco na sua carreira.

"Senti-me muito orgulhoso, por mim e pela minha família. Foi incrível assinar por um clube tão grande e que já conquistou tantos troféus. Quando recordo tudo aquilo que passei na minha carreira, é incrível perceber que cheguei até este nível. Assinar por um dos maiores clubes da Europa foi a concretização de um dos meus sonhos", confessou.

Um momento que contrastou, segundo o próprio, com o início da carreira, que, assume, "foi bastante difícil".

"Tive um início de carreira muito difícil. Nunca imaginei que chegaria até onde estou hoje e que iria participar na Champions League. Sempre esteve no meu subconsciente, porque um jogador de futebol tem de ter ambições e tentar atingir o nível mais alto possível, de forma a deixar os pais e a família orgulhosos. Sabia que teria de trabalhar muito para que isso acontecesse, mas consegui e estou orgulhoso disso", apontou.

"Considero que tudo se deve ao local onde cresci. Ninguém dá nada às pessoas de Ulis ou de Évry, temos de lutar por tudo aquilo que queremos. Também se deve à paixão, também temos de ter ambição e acreditar em nós mesmos. No meu caso, acho que o segredo é paixão e a ambição. Dou o máximo em todos os jogos, tenho esse desejo. Quero fazer o melhor, dou tudo pela equipa e tento nunca desistir", acrescentou.

Na véspera de receber a Roma, Marega detém o estatuto de melhor marcador do FC Porto na presente edição da Liga dos Campeões, podendo, em caso de marcar esta quarta-feira, ultrapassar a sequência de Jardel de jogos consecutivos a faturar, chegando aos seis.

"É uma excelente sensação, tive um prazer especial quando marquei o meu primeiro golo na Champions League frente ao Galatasaray. Foi o momento de maior satisfação pessoal na minha carreira. Neste momento tenho cinco golo e considero que é excelente, estou muito feliz. No ano passado, não estive bem na Champions League, não marquei qualquer golo, por isso sinto-me muito bem por ter marcado cinco vezes esta época. Quanto ao recorde, veremos no final da temporada, o mais importante é a equipa vencer", concluiu.

Por Pedro Morais
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de FC Porto

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.