Mbemba: «Jogar com Pepe faz-me evoluir»

Central elogia disciplina e rigor do companheiro de sector, que considera um verdadeiro exemplo

• Foto: Peter Spark

Chancel Mbemba assumiu um papel verdadeiramente decisivo na manobra e na solidez defensiva do FC Porto desde o início do ano de 2020, e, de então para cá, não há jogador dos dragões com mais minutos do que o central congolês. Segurança e fiabilidade são as suas imagens de marca, formando com Pepe a dupla de centrais predileta de Sérgio Conceição desde que Marcano se lesionou, há quase um ano. E o capitão de equipa e internacional português é para Mbemba, de 26 anos, uma verdadeira referência.

“É muito motivador para mim jogar ao lado do Pepe. Mesmo quando me sinto cansado, consigo sempre ir além. O segredo dele é o trabalho e a disciplina. Quando entra em campo, coloca tudo de lado e permanece focado como ninguém”, começou por dizer o congolês, em entrevista ao jornal belga ‘La Dernière Heure’, explicando depois o porquê de ver Pepe como um exemplo: “Aprendo sempre que jogo ou treino com ele. Faz-me ser melhor e evoluir. Quando cometo um erro, corrige-me e diz-me o que preciso de melhorar. Também me ensina a estar concentrado e a ter rigor. Até fala comigo em francês. Diz-me, por exemplo: ‘Chancel, attention!’. Ou pequenas frases como essa.”

Se Pepe é uma parte importante da evolução de Mbemba no último ano, também Sérgio Conceição tem sido determinante para o internacional pela RD Congo, que sabe da exigência do treinador e que só estando na máxima força pode ser opção regular. “É alguém que odeia perder. Quando acorda de manhã, só quer vencer. É um treinador próximo dos jogadores, mas também bastante severo. Com ele, temos sempre de ser muito rigorosos. Se não trabalharmos duro o suficiente, outro vai jogar no nosso lugar. Para ser titular com ele, é preciso trabalhar para merecer. Diz-me que tenho de me sacrificar, dar toda a minha energia pelo clube e provar que mereço estar ali”, disse Mbemba, que, olhando aos números, tem provado a Conceição que merece “estar ali”, uma vez que é o jogador com mais minutos na atual edição da Champions. São 840 no total, ou seja, todos os disputados pelo FC Porto. Está, portanto, a brilhar na maior competição de clubes do Mundo, algo com que nunca sonhou.

“Nem sequer ousava pensar em jogar nos oitavos-de-final... Hoje estou nos ‘quartos’. Quando eu vejo o quão longe já cheguei, acho enorme. Mas as minhas ambições são maiores. Quero ir até à final e dizer que foi tudo fruto do trabalho”, revelou.

Por José Miguel Machado
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de FC Porto

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.