Record

Militão garante medalha de prata

É a segunda maior transferência de sempre em Portugal e bate um recorde no Real Madrid

• Foto: José Gageiro/Movephoto
A transferência de Éder Militão para o Real Madrid por 50 milhões de euros é a segunda maior no futebol português e um recorde no Real Madrid, já que os merengues nunca haviam desembolsado tamanha quantia por um defesa. Até agora o maior investimento feito num jogador da retaguarda tinha sido pelo ex-portista Danilo (31,5 milhões).

Para além disso, o internacional brasileiro tornou-se no quarto central mais caro do futebol mundial, atrás de Virgil van Dijk (Liverpool), Aymeric Laporte e John Stones (Manchester City), podendo caracterizar-se como um verdadeiro fenómeno internacional, dado que até há pouco mais de meio ano ainda estava no São Paulo.

No que respeita ao panorama nacional, só a transferência de Hulk para o Zenit foi superior, conforme se pode constatar no quadro ao lado. Ainda assim, nos cofres da SAD ‘só’ entraram 40 dos 60 milhões de euros pagos pelo clube russo. No caso de Militão, a SAD tem direito a 45 milhões, já que o São Paulo ficou com 10 por cento dos direitos do jogador.

O pódio fecha com outro antigo portista, no caso James Rodríguez, que se transferiu para o Monaco por 45 milhões de euros. O top 5 fecha com um grupo de quatro milionários na casa dos 40 milhões (Witsel, Falcão, João Mário e Ederson). André Silva saiu por um pouco menos (38 milhões de euros).
Por Rui Sousa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de FC Porto

Notícias

Notícias Mais Vistas