Constando neste momento da lista de pré-convocados da Nigéria para o Mundial, Chidozie tem fortes possibilidades de integrar o grupo de 23 jogadores que o selecionador Gernot Rohr vai levar à Rússia, isto se a lesão no tornozelo direito contraída sábado à tarde não tiver consequências graves. A provável ida ao Mundial’2018 fará aumentar a sua cotação e pode afastá-lo em definitivo do Nantes, que já fez saber que não está na disposição de pagar os 16 milhões de euros relativos à sua opção de compra. O jovem central tem outras possibilidades em carteira e a SAD mostra-se disponível para negociar, embora neste caso não haja pressa, uma vez que Chidozie tem contrato até 2020 e uma cláusula de rescisão de 30 milhões de euros.

Temas:

Chidozie