Peseiro sustenta bom ritmo asteca

Segundo Layún, o efeito da chicotada psicológica foi positivo para os mexicanos do plantel

• Foto: Manuel Araújo

Nem só Jesús Corona esteve em evidência na vitória do México (3-0) frente ao Canadá. Miguel Layún também se destacou entre os astecas, ao ter assistido para o golo inaugural da partida, bem como Héctor Herrera, que assinou um lance mágico, fazendo a bola passar por cima de um adversário, devolvendo-a depois a um colega, de calcanhar. No final, confrontado com o bom momento dos portistas tricolores, Layún foi ao fundo da questão.

"Esta temporada, nós os três vivemos uma situação complicada no FC Porto, com a mudança de treinador no decorrer da época, o que nos obrigou a aprender coisas novas num curto período de tempo. Tivemos de nos esforçar bastante para nos segurarmos na equipa e, por isso, agora estamos todos a bom ritmo", salientou o lateral, de 27 anos, que, no México, tem a alcunha de Expresso de Córdoba. E a conclusão veio de seguida: "Desejo que tudo continue assim, pois esta noite fizemos uma bela partida."

Como é norma no FC Porto, Miguel Layún avançou frente ao Canadá, na lateral esquerda. Depois de toda a polémica que a sua colocação em campo gerou, com o atual selecionador, Juan Carlos Osorio, a revelar-se disposto a oferecer-lhe a lateral direita, algo que o seu antecessor, Miguel Herrera, desaconselhou, Layún acabou mesmo por ocupar o posto que deixou os dragões convencidos de que o seu passe tem de ser comprado aos ingleses do Watford. "Na esquerda ou na direita, tratarei de render o máximo", desviou Layún, que voltou a dar uma assistência um mês depois de ter servido o coreano Suk contra o Moreirense.

Por Nuno Barbosa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de FC Porto

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.