Pinto da Costa: «FC Porto gerou receitas sem colocar em causa a competitividade da equipa»

Presidente dos dragões faz balanço positivo ao mercado de transferências

Pinto da Costa faz um balanço positivo ao último mercado de transferências. Na página que assina mensalmente na revista 'Dragões', o presidente do FC Porto destacou a capacidade do clube para gerar mais receita do que despesa "sem colocar em causa a competitividade" do plantel.

"Já tinha sido assumido, na sequência da não participação na Liga dos Campeões da temporada passada e do impacto do confinamento e das medidas que se lhe seguiram no mundo do desporto, que neste verão o clube teria de gerar muito mais receita do que despesa. Tendo em conta a queda nos últimos meses da quantidade de transações por valores significativos, isso podia não ser fácil, mas mais difícil seria conseguir fazê-lo sem colocar em causa a competitividade da equipa. Felizmente, foi isso que aconteceu", começa por assumir o líder máximo dos dragões.

"Conseguimos chegar ao dia 6 de outubro mantendo a esmagadora maioria dos atletas que mais contribuíram para a conquista da dobradinha da temporada passada e ainda lhes juntámos mais alguns de indiscutível valor, em todas as posições do campo, uns mais jovens e outros mais experientes, uns mais conhecedores da realidade portuguesa e outros com um percurso internacional relevante. As expectativas para o futuro, por isso, não podiam deixar de ser as melhores", explicou ainda Pinto da Costa. 

Por Record
34
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de FC Porto

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.