Pinto da Costa: «O futebol português é ainda condicionado por fatores alheios ao mérito»

Presidente fez o balanço de 2019 e voltou a deixar alguns reparos

• Foto: Nuno Fonseca/Movephoto

Com o fim de 2019 e o arranque de 2020, Pinto da Costa não fugiu ao habitual exercício de realizar um balanço na mudança do ano. Debruçando-se sobre tudo o que se passou nos anteriores 365 dias e de olhos já postos nos 366 que se avizinham, o presidente do FC Porto revelou estar otimista para o futuro porque há motivos de sobra para que assim seja, mas não deixou de revelar alguma frustração por determinados aspetos menos positivos do ano que terminou.

"Chegámos ao fim de 2019 e a uma época em que é tradicional olhar para trás e fazer balanços. Prefiro sempre olhar em frente e preocupar-mme com o futuro, mas também não fujo a esse exercício de retrospetiva. De certa forma, este foi um ano de contratastes para o FC Porto. Houve muitos momentos altos, como a qualificação para os quartos de final da competição de clubes mais difícil do mundo, o título europeu de juniores, a fabulosa campanha da equipa de andebol em todas as provas e as conquistas dos campeonatos de hóquei em patins e de bilhar e da Taça de Portugal de basquetebol", começou por elencar, antes de partir, então, para o que de menos bom aconteceu que foi motivado, na sua ótica, por vários "fatores alheios ao mérito".

"Houve, também, a frustração de voltarmos a constatar que o futebol português ainda é muito condicionado por fatores que são alheios ao mérito dos seus principais intervenientes, que devem ser os jogadores e os treinadores. Deixando para trás o ano velho e olhando para o ano novo, não posso ter a certeza de que os imponderáveis que não podemos nem queremos controlar não continuem a ser decisivos, sempre em prejuízo dos mesmos e a favor dos do costume", apontou.

Seja como for, o líder portista fez questão de deixar uma mensagem de otimismo para todos os adeptos azuis e brancos, garantindo que o clube irá lutar por todos os títulos.

"No que ao futebol diz respeito, somos a única equipa portuguesa que entra em 2020 com a possibilidade de disputar quatro competições, e temos ambições grandes em cada uma delas. Confio plenamente na capacidade dos nossos jogadores e da nossa equipa técnica para enfrentarem todas as dificuldades, e sei bem que poderão contar com o apoio incondicional dos adeptos nesse caminho para o sucesso", concluiu.

Por Pedro Morais
3
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de FC Porto

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.