Plantel pede a Casillas para ficar no FC Porto durante um churrasco

Churrasco serviu para fomentar proximidade entre dragões, que pediram a permanência de ‘San Iker’ em uníssono

A carregar o vídeo ...
Casillas confronta Brahimi com pergunta 'incómoda'

Se dependesse dos seus companheiros de equipa, Casillas continuaria de dragão ao peito na próxima temporada. Isso mesmo ficou claro ontem, durante um churrasco realizado pelo plantel no Olival no qual o próprio guardião, de 36 anos, assumiu o papel de repórter. Num direto no Instagram, Iker levantou um pouco o pano sobre o secretismo a que hoje em dia estão votadas as equipas profissionais de futebol e acabou por ser surpreendido pelos seus companheiros.

Quando se preparava para interpelar André André, viu o português apontá-lo como o "melhor guarda-redes de todos os tempos". Herrera concordou de forma bem-humorada, apelidando o guardião de "avô Casillas". Brahimi deu início ao cântico de "San Iker", que André André transformou num "fica Iker" em espanhol. De imediato, os elementos do plantel presentes nas imagens aliaram-se ao médio português e o ‘pedido’, feito em uníssono, foi aumentando de volume.

Como é natural, esta solicitação do grupo aconteceu num ambiente descontraído e boa disposição. No entanto, a forma espontânea como surgiu e até como aglutinou muitos elementos é demonstrativa da admiração do plantel pelo mítico guarda-redes espanhol. Casillas, tão experiente dentro de campo como na relação com os média e nas redes sociais, deu continuidade ao seu trabalho em ‘part-time’ como repórter sem se deixar condicionar pelo cântico num momento em que o seu futuro continua indefinido.

Ao abordar alguns dos seus companheiros de equipa sobre o motivo pelo qual o plantel se reuniu à volta da fogueira após o treino da manhã, Casillas permitiu perceber aquele que é o estado de espírito da equipa a poucos dias de poder sagrar-se campeã nacional. "Por que estamos a fazer o churrasco? É para fomentar o espírito de grupo. E comer. Saudações aos portistas", disse Óliver Torres, na linha do que respondeu também Alex Telles. Igualmente interessantes e reveladoras foram as declarações de Maxi Pereira e Herrera – os dois assadores de serviço –, pois o uruguaio falou na necessidade de o plantel "partilhar momentos" que "ficam para toda a vida" e o capitão mexicano, apelidando Casillas de "avozinho", reafirmou a intenção de "unir um pouco mais o grupo".

Hábitos de partilha

De resto, o atual plantel tem realizado várias atividades de caráter coletivo, organizadas para todos ou não, ao longo da época. Ainda anteontem, no dia de folga concedido por Sérgio Conceição, Alex Telles, Óliver Torres e Vaná visitaram as instalações do Clube de Adopção e Protecção de Animais da Póvoa de Lanhoso, promovendo em conjunto a adoção de animais abandonados.

Este tipo de ações, tal como o churrasco – não foi a primeira vez que os dragões se reuniram para ‘meter a carne toda no assador’ –, têm sido incentivadas pelo próprio Sérgio Conceição, que promoveu a partilha de outros momentos extra-relvado junto dos seus pupilos desde o arranque de 2017/18. Recorde-se que, logo na pré-época, o treinador ‘obrigou’ o plantel a passar várias horas por dia em conjunto no Olival.

Nas imagens da refeição publicadas pelos jogadores não apareceram os principais elementos da equipa técnica, incluindo Sérgio Conceição. O treinador procura deixar o plantel mais à vontade neste tipo de momentos, o que não quer dizer que não tenha testado o ponto da carne...

A carregar o vídeo ...
FC Porto faz churrascada no Olival e Herrera 'liderou' a grelha

Por André Monteiro e Rui Sousa
Deixe o seu comentário
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de FC Porto

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.