Record

São Paulo oficializa saída de Éder Militão para o FC Porto

Defesa é reforço dos dragões em negócio de 4 milhões de euros

O São Paulo anunciou esta quarta-feira ter chegado a acordo com o FC Porto para a transferência de Éder Militão num negócio de 4 milhões de euros.

"Depois de semanas de negociação, a diretoria aceitou uma última proposta pela transferência do atleta, que foi referendada unanimemente em reunião extraordinária do Conselho de Administração. Nas bases apresentadas, o São Paulo receberá 4 milhões de euros pelo negócio, além de assegurar o direito de 10% da receita de uma futura venda", pode ler-se no comunicado do emblema brasileiro", pode ler-se no site oficial do emblema brasileiro.

Nos últimos meses, precisa o comunicado, o São Paulo "dedicou todo o esforço possível, em diversas tentativas e propostas, em renovar o contrato de Militão, que se encerra em 11 de janeiro de 2019. Entretanto, o atleta definiu por seguir a carreira no futebol europeu e manifestou expresso desejo em não renovar seu contrato. Dessa forma, o São Paulo abriu negociação para que fosse indemnizado, pela quebra contratual antecipada, e chegou a um acordo financeiro com o Porto".

Militão, de 20 anos, só deixará o São Paulo após  5 de agosto, prazo exigido pela direção do São Paulo, o que faz com que o jogador esteja disponível para atuar nas próximas quatro partidas, frente ao Grêmio (26/7), Cruzeiro (29/7), Colón (2/8) e Vasco (5/8).
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de FC Porto

Notícias

Notícias Mais Vistas