Record

Um Mundo a separá-los

RECORDE DE DISTÂNCIA PRESTES A SER BATIDO 11 ANOS DEPOIS

A diferença entre FC Porto e Benfica é tremenda e está atestada na classificação do campeonato. Com a derrota no Dragão, os encarnados passam a distar 24 pontos do líder já titulado, um hiato abismal e que obriga a recuperar duas temporadas negras na história do clube da Luz: em 1996/97, as águias terminaram a 27 do rival portuense e, quatro temporadas depois, ficaram a 23 do inédito campeão Boavista, outro emblema da Invicta.

A título de curiosidade, refira-se que a actual distância (24p) equivale a um título ou uma despromoção noutros campeonatos: Trofense e Fátima, respectivamente primeiro e último classificados da Liga Vitalis, estão separados por... 22.

Contrastes

Com apenas 5 pontos conquistados em 15 possíveis, três derrotas consecutivas – Académica, Sporting (Taça) e FC Porto – e com saldo desastroso nos golos marcados e sofridos (3-10) nos referidos desaires, Fernando Chalana vê-se na iminência de ficar umbilicalmente ligado a um ciclo terrível na cronologia do Benfica.

No pólo oposto está Jesualdo. No dia do seu 250.º encontro na Liga maior, Jesualdo Ferreira viu a sua equipa chegar aos 69 pontos, a mesma marca com a qual se sagrou campeão nacional em 2006/07.

“Superlicha”

Para tal, foi fundamental Lisandro López. Juntou 2 golos à sua conta pessoal – leva 24 na Liga (27 na época) – e igualou feito pessoal: marcar em cinco encontros consecutivos (Leixões, Belenenses, Estrela da Amadora, Vitória de Setúbal e Benfica).

A primeira vez que tal alcançou foi em 2004, pelo Racing Avellaneda na Argentina, durante o Torneio de Abertura no qual se sagrou melhor marcador (12 tentos). As “vítimas” foram Olimpo, Instituto, Boca Juniors, River Plate e Gimnasia.
11
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de FC Porto

Notícias

Notícias Mais Vistas

M