Record

Nuno Manta: «Todos querem assaltar o nosso castelo»

Técnico admite "carga emocional elevada" contra o Boavista

• Foto: Lusa
Nuno Manta Santos não sente vertigens por estar nas alturas e, mantendo a serenidade, coloca o foco em somar mais três pontos e continuar na zona do topo da tabela.

"As expectativas que temos para o jogo com o Boavista? Jogamos em casa e queremos continuar o que de bom temos feito no nosso reduto, que foi ganhar a Leixões e Rio Ave. Queremos jogar bem, dar um bom espetáculo e, sobretudo ganhar. O objetivo principal que temos em mente é o triunfo. Sabemos que vamos ter pela frente um adversário difícil, com características próprias, que provoca muitos problemas aos seus adversários. Estamos a preparar-nos para isso", sublinhou o técnico.

O facto de estar a aproximar-se do sol não é motivo para ter receio de queimar as asas, até porque o central Ícaro já não pertence ao Feirense, pelo que as ideias de Nuno Manta Santos estão bem arrumadas: "Disse no final do jogo de Guimarães que a exigência, no futebol, é sempre grande. Se perdes logo a seguir tens de ganhar. Se ganhas, logo a seguir tens de ganhar. O que tem de bom o futebol é isso. Estamos lá em cima neste momento, com dois jogos, duas vitórias, seis pontos, zero golos sofridos, em jogos oficiais temos seis golos marcados, temos criado situações de finalizações em todas as partidas, temos demonstrado uma boa solidez defensiva em todos jogos. Queremos manter-nos assim, queremos continuar, queremos evoluir. Queremos ser cada diz mais fortes, sabendo que neste encontro os focos vão estar apontados ao Feirense-Boavista para ver se o Feirense continuar a prolongar este registo. Vamos fazer tudo por tudo para o manter."

O que acaba por chocar é o grande contraste é o momento da receção aos axadrezados, numa fase de grande fulgor, em contraste com as cinco derrotas consecutivas que os fogaceiros arrastavam na receção de 2017/18. "São momentos que acontecem. Não gosto muito de falar do passado, mas na época passada a receção ao Boavista era muito importante e tínhamos de vencer. Acabámos por conseguir. Foram três pontos e o mais importante é sempre somar. Agora temos pela frente uma equipa que terminou em 8ª lugar, que é forte, com jogadores experientes, que mantém grande parte da sua estrutura e dinâmicas da época passada, o que atesta o conhecimento que existe entre os seus jogadores, o que torna o jogo mais difícil para o Feirense. Toda a gente quer vir assaltar o castelo de Santa Maria da Feira", alertou Manta Santos.

Depois de Sturgeon ter vingado a saída do Vitória com um golo em Guimarães, a questão coloca-se agora em relação a Vítor Bruno mas não só, salvaguarda o técnico. "Vítor Bruno, Tiago Mesquita, se calhar até o Philipe Sampaio. Não interessa quem ganhe, mas sim que o Feirense ganhe. Quem marcar será felicidade por isso. Mas todos sabemos que o coletivo é que é fundamental. O Sturgeon marcou, mas houve compromisso por parte de toda a equipa. Este vai ser um jogo completamente diferente, com uma carga emocional diferente para vários atletas e grupo do trabalho, tanto do Feirense como do Boavista. Este jogo vai ter uma carga emotiva grande, é a análise que faço neste momento", pontua.

Já quanto ao último reforço e ao fecho de mercado, tudo terá o seu devido timing. "Philipe Sampaio? Ainda precisa de um pouco mais de ritmo. Quanto ao plantel, estou satisfeito com a administração. O Philipe estava referenciado e chegou para ajudar", concluiu.
Deixe o seu comentário
  • Feirense
    -
    Boavista
  • (1)
    (X)
    (2)
  • 2.5
    3
    3.2
  • *Odds sujeitas a variação. Consulte o valor actual desta odd em www.nossaaposta.pt

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Feirense

Notícias

Notícias Mais Vistas

M