Jogador despedido devido a suspeitas de idade falsificada

Platiny foi detido pelo SEF e António Fiúsa garante que o clube "foi enganado"

• Foto: José Moreira

O Gil Vicente rescindiu o contrato com o cabo-verdiano Platiny Alves devido a irregularidades com a sua documentação, havendo suspeitas que tenha falsificado a idade. A denúncia foi feita pelo jornal 'A Semana', de Cabo Verde.

O futebolista foi um dos 15 detidos pelo Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF), tendo sido constituído arguido por ter "apresentado um registo criminal falso no seu pedido de autorização de residência em Portugal para poder continuar a jogar". O nome de Platiny foi o único que foi divulgado.

No entanto, António Fiúsa, presidente do emblema de Barcelos, revelou que também houve problemas com a certidão de nascimento do futebolista, que oficialmente tem 20 anos. "A verdade é que fomos enganados. Contratámos o jogador pensando que ele tinha a idade que apresenta nos documentos. Ficámos estupefactos e tristes com a situação porque acreditámos nos documentos que ele nos apresentou", explicou, também em declarações ao jornal 'A Semana', justificando assim a rescisão unilateral de um contrato que era válido até 2018.

O próprio jogador, que se encontra sem clube, explicou que foi enganado por um agente italiano que o trouxe para Portugal quando tinha 16 anos de idade. "Ele deixou-me entregue à minha sorte. Desapareceu e nunca mais soube do seu paradeiro", afirma o jogador, que foi depois acolhido pelo Gil Vicente, clube que o ajudou a obter autorização de residência, mediante um contrato de trabalho.

Por Sérgio Krithinas
6
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Gil Vicente

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.