Carlos Pereira sem papas na língua a avaliar presidentes dos três grandes

Dirigente dos insulares sem rodeios

• Foto: Pedro Simões

O presidente do Marítimo classificou este sábado Pinto da Costa como o "papa do futebol", Luis Filipe Vieira como não percebendo "muito de futebol" e Bruno de Carvalho como... um "barril de pólvora".

Em entrevista ao site "Tribuna" do semanário "Expresso", o dirigente maritimista teceu elogios a Pinto da Costa. "A experiência, a credibilidade e a maturidade de Jorge Nuno Pinto da Costa, quer se queira, quer não, pode estar num momento menos bom, mas é o Papa do futebol", disse o dirigente.

E prosseguiu, avaliando Luís Filipe Vieira: "Luís Filipe Vieira é uma personagem que apareceu e que eu conheci ainda como empresário dos pneus, que depois foi para o Alverca e tem uma visão mais larga, que fez a transformação que se vê no Benfica. Não sei se ele conhece muito de futebol, mas conhece muito de negócio e soube rodear-se de uma figura que não se conhece que é o Domingos Soares de Oliveira e de uma outra figura que é o Paulo Gonçalves, que têm feito de Luís Filipe Vieira um grande presidente", afirmou.

Já sobre o presidente do Sporting, Carlos Pereira diz que o dirigente leonino é um "barril de pólvora". "Bruno de Carvalho alterna o bom com o mau com uma facilidade enorme, dá o dito pelo não dito com uma facilidade enorme. Foi assim nas reuniões da Liga, nas Assembleias da Liga e tem sido assim no relacionamento com as pessoas. A surpresa para mim é que, sendo um barril de pólvora, como é que ainda não explodiu", concluiu.

33
Deixe o seu comentário
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Marítimo

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.