Record

Guarda-redes José Sá desperta cobiça lá fora

boas exibições no europeu

Guarda-redes José Sá desperta cobiça lá fora
Guarda-redes José Sá desperta cobiça lá fora • Foto: carlos barroso

Aquele que já é chamado como o "guarda-redes aranha" do Europeu de sub-21, José Sá, pode estar de saída do Marítimo. Record está em condições de avançar que as sondagens junto do clube madeirense são reais e vindas de vários emblemas estrangeiros, o que pode levar o presidente Carlos Pereira a abrir mão de um jogador com contrato até 2018 e que possui uma cláusula de rescisão de 4 milhões de euros.

No Europeu de sub-21 que decorre na Rep. Checa, José Sá ainda não sofreu golos e frente à Itália realizou uma extraordinária exibição. Refira-se que o guarda-redes de 22 anos e 1,90 m tem sido sempre titular na Seleção Nacional, mostrando que está a crescer e tem um futuro risonho.

José Sá chegou à Madeira ainda como júnior na temporada 2011/12, oriundo do Benfica. Daí em diante, subiu para a equipa B maritimista e só começou a ser utilizado com regularidade na formação principal na época 2013/14. Na último temporada, por ausência de Salin, fez quatro partidas no conjunto A, mas alinhou quase sempre na 2.ª Liga (38 jogos), ao serviço da equipa B que, ainda assim, acabou despromovida.

Agora, o jovem natural de Braga que tem como agente Jorge Mendes, pode estar de saída, confirmando-se que a sua qualidade não tem passado despercebida.

A confirmar-se a transferência (o presidente considera que há boas perspetivas de negócio...), o Marítimo terá de ir ao mercado e, nesse caso, Marcelo Boeck (Sporting) seria uma forte possibilidade, até porque deixou saudades entre os madeirenses. Resta saber se as sondagens se vão transformar rapidamente em propostas.

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Marítimo

Notícias

Notícias Mais Vistas

M