José Gomes ambiciona Marítimo focado e rigoroso para vencer Santa Clara

Duelo insular decorre poucos dias após os madeirenses terem derrotado o Benfica

O treinador do Marítimo, José Gomes, disse esta quinta-feira que pretende ver a sua equipa focada e rigorosa para ganhar ao Santa Clara, na partida que abre a 30.ª jornada da Liga NOS.

"Temos de estar focados e sermos muito rigorosos na interpretação do plano de jogo para podermos vencer o Santa Clara, que é uma equipa que já não está na luta da descida nem na luta dos lugares europeus e está a jogar de uma forma descontraída, sem pressão e que tem feito jogos muitíssimos bons", apontou, na conferência de imprensa de antevisão do jogo de sexta-feira.

O duelo insular, que decorre na Cidade do Futebol, em Oeiras, acontece poucos dias após os madeirenses terem derrotado o Benfica, no Funchal, por 2-0, resultado que ditou na saída de Bruno Lage do comando técnico das águias, mas que nada muda na perspetiva de José Gomes.

"Temos de estar focados e não pensar que, por já termos feito isto, as coisas vão acontecer naturalmente e que os pontos vão cair no nosso bolso. Temos que lutar muito para que os pontos fiquem connosco e não podemos pensar que, por ganharmos o Benfica, com o Santa Clara vai ser tudo fácil. As coisas não funcionam assim", alertou.

A vitória diante do Benfica fez o Marítimo subir quatro posições na tabela (de 16.º para 12.º), ainda que com os mesmos quatro pontos de diferença para o Portimonense, que ocupa o 17.º e penúltimo lugar, o que merece grande atenção, e faz José Gomes acreditar num recorde de pontos para ser alcançada a manutenção no principal escalão.

"Eu não me sinto mais confortável. Estou muito confiante, mas não estou mais confortável e não estou mais confiante agora do que estava no início da retoma nem do que estava antes do jogo com o Benfica. Estarei confortável quando, matematicamente, estiver na posição que garanta o que nós queremos", admitiu o treinador do emblema verde rubro.

Em relação a alterações no onze, o técnico considera esse cenário possível, embora não seja por razões físicas, por defender que houve "tempo mais do que suficiente" para recuperar, e considera a permanência em território continental após o embate com o Santa Clara a "melhor opção" para os jogadores terem mais descanso na preparação da visita ao Boavista, da ronda 31, que acontece na quarta-feira.

O Marítimo, 12.º classificado, com 31 pontos, visita o Santa Clara, décimo, com 38, na sexta-feira, pelas 19:15, com arbitragem de Carlos Xistra, da Associação de Futebol de Castelo Branco.

Por Lusa

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Marítimo

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.

0